1 - Título do Projeto

Fortalecimento de Políticas e Práticas Educacionais Brasileiras nas áreas de Alfabetização e Educação de Jovens e Adultos.

2 - Agência Executora

Associação Alfabetização Solidária – AlfaSol

3 - Duração

Outubro de 2008 a novembro de 2013 – 62 (sessenta e dois) meses.

4 - Fonte dos Recursos Financeiros

Os recursos serão mobilizados junto aos seguintes parceiros:

a) empresas e instituições da iniciativa privada (siderúrgicas, mineradoras, empresas da construção civil, entre outras);

b) recursos Estatais e Federais voltados para a Educação e a promoção dos Direitos Humanos e Sociais;

c) organizações internacionais públicas e privadas, fundações e pessoas físicas residentes no exterior;

d) recursos de contrapartida a cargo da Associação Alfabetização Solidária.

5 - Resumo do Projeto

A programação contida no presente Projeto tem como propósito principal a criação de condições sócio-técnicas e operacionais para o desenvolvimento de métodos e técnicas de planejamento, gestão e avaliação para o fortalecimento de políticas e práticas brasileiras em alfabetização e educação de jovens e adultos. Para isso inclui, entre suas atividades, o desenvolvimento de ações conceituais, técnicas e operacionais para a fundamentação dos processos de formulação, implantação e aperfeiçoamento de políticas nessa área, além da realização de diagnósticos para identificar as condições de educação e alfabetização em amostras de populações excluídas e vulneráveis em todo o país. São também partes da programação experimentos para a oferta de ações em alfabetização e educação de jovens e adultos em seis localidades e a realização de mobilizações sociais para aumentar a participação dos setores público e privado no planejamento, execução e avaliação dessas ações em municípios e estados brasileiros. Destaque-se que as atividades programadas nesse Projeto se associam aos esforços de todo o Brasil para a obtenção dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio – ODMs e, simultaneamente, visa à criação de condições institucionais, comunicacionais e gerenciais, nos organismos municipais e estaduais, para amplificar a integração programática e operacional na elaboração e execução de ações de alfabetização e de educação de jovens e adultos em todas as regiões brasileiras.