Fórum Mundial de Direitos Humanos de Marrocos será em novembro
Fórum Mundial de Direitos Humanos de Marrocos será em novembro

Fórum Mundial de Direitos Humanos de Marrocos será em novembro

OEI. 17/07/2014
Tamanho do texto+-

A Ministra Ideli Salvatti, da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República (SDH/PR), recebeu na terça-feira (15) integrantes do comitê de mobilização brasileiro do Fórum Mundial de Direitos Humanos (FMDH).

Durante o encontro, que também contou com a participação da secretária nacional de Promoção e Defesa dos Direitos Humanos da SDH/PR, Patrícia Barcelos, o comitê compartilhou com a ministra o cronograma para a realização da segunda edição do FMDH em Marrakech, no Marrocos, entre os dias 27 e 30 de novembro de 2014.

A primeira edição do fórum ocorreu no Brasil em dezembro de 2013. Realizado pela SDH/PR em parceria com outros órgãos federais, governos estaduais e municipais, Legislativo, Judiciário e sociedade civil, o evento reuniu em Brasília mais de 10 mil participantes, entre brasileiros e estrangeiros.

Assim como ocorreu no Brasil, o FMDH Marrocos será um espaço de debate público sobre direitos humanos no mundo, em que serão tratados seus principais avanços e desafios, com foco no respeito à diferenças, na participação social, na redução das desigualdades e no enfrentamento a todas as violações de direitos humanos.

Além de contribuir com a organização do evento em Marrocos, o comitê brasileiro discute a participação de entidades e ativistas brasileiros no evento. Integram o comitê representantes do Movimento Nacional de Direitos Humanos (MNDH), da Faculdade Latino-Americana de Ciências Sociais (Flacso), da Organização dos Estados Iberoamericanos (OEI) e da SDH/PR, além de outras entidades da sociedade civil.

Caravana - Durante o encontro, foi ainda discutida a participação da SDH/PR na Caravana de Educação em Direitos Humanos, que tem como objetivo promover atividades educativas para diferentes lugares do país, envolvendo movimentos sociais, pessoas e entidades. A caravana tem como foco os grupos vulneráveis e em situação de violação de direitos.

Lançada no mês de abril em Natal, a caravana tem atividades programadas até meados de 2015, entre seminários e encontros, regionais e temáticos. As atividades agendadas devem ocorrer nos estados de MG, SP, RJ, SC, SE, AC, ES, PE, TO, AM, PR, BA, RS, MS, MT, RO e AP.

O município de Lagarto, em Sergipe, e a capital do Acre, Rio Branco, recebem a caravana no próximo dia 22. Osasco, em São Paulo, a recebe no dia 23.

 

Fonte: Assessoria de Comunicação Social/SDH