Instituições públicas de ensino da Bahia promovem a Universidade de Verão em Lauro de Freitas
Instituições públicas de ensino da Bahia promovem a Universidade de Verão em Lauro de Freitas
A Escola 2 de Julho é um dos espaços que receberão as atividades da Univerão

Instituições públicas de ensino da Bahia promovem a Universidade de Verão em Lauro de Freitas

OEI. 15/12/2017
Tamanho do texto+-

"Conexões democráticas para uma cidade educadora" é o tema da Universidade de Verão do Brasil, a Univerão, que levará ao município de Lauro de Freitas (Bahia) uma série de cursos, palestras, rodas de saberes, oficinas, feiras, atividades esportivas e culturais entre os dias 15 e 21 de janeiro de 2018.

Promovida por instituições públicas de ensino superior da Bahia (universidades federais e estaduais e institutos federais) e a Prefeitura Municipal de Lauro de Freitas, a iniciativa visa fomentar o processo de construção de conhecimento nos espaços formais e não formais de aprendizagem na cidade, aumentando a autoestima de estudantes e professores e potencializando a política de Cidade Educadora.

Mais de 60 mil pessoas devem passar pela Univerão em janeiro. O projeto é destinado a estudantes, professores e trabalhadores, do Brasil e do exterior, interessados em desfrutar de uma cidade caracterizada pelo turismo étnico-cultural, marcada pelo samba de roda, os ternos de reis, a cultura dos quilombolas, a capoeira e diversas outras manifestações de matriz africana.

Estima-se um total de 1.100 horas-aula, divididas em três conferências, 100 minicursos, 50 oficinas e 25 rodas de saberes. Além dos três campi (Ipitanga, Itinga e Centro), diversos espaços, em todos os bairros de Lauro de Freitas, receberão atividades oferecidas pela Univerão.

A programação gira em torno de 10 eixos temáticos: Democracia e direitos; Educação e cidade; Território e Região Metropolitana; Gestão Pública, transversalidade e participação; Economia e ecologia; Saúde e meio ambiente; Gênero, diversidade e cidadania; Cultura e comunicação; Segurança, juventude e vida; Tecnologia, acesso e inclusão social.

No encerramento, haverá a entrega do Prêmio Milton Santos, concedido a personalidades nacionais ou estrangeiras que tenham se distinguido na atividade acadêmica, profissional, cultural ou política ou que tenham contribuído, direta ou indiretamente, “para o prestígio e engrandecimento do país e do estado”, em geral, e de Lauro de Freitas em particular.


Saiba mais: http://www.laurodefreitas.ba.gov.br/univerao.