Metas Educativas são debatidas em oficina de trabalho na Secretaria-Geral da OEI
Metas Educativas são debatidas em oficina de trabalho na Secretaria-Geral da OEI

Metas Educativas são debatidas em oficina de trabalho na Secretaria-Geral da OEI

OEI. 28/02/2018
Tamanho do texto+-

Membros da sociedade civil participaram de uma oficina de trabalho na sede da Secretaria-Geral da Organização de Estados Ibero-americanos para a Educação, a Ciência e a Cultura (OEI), em Madri (Espanha), na manhã desta terça-feira (27/02). O encontro foi realizado com o objetivo de acolher contribuições para o processo de revisão dos indicadores das Metas Educativas 2021. O debate girou em torno das metas 1 (participação social na educação) e 5 (qualidade da educação).

Aprovadas na XX Cúpula Ibero-americana de Chefas e Chefes de Estado e de Governo de 2010, as Metas Educativas 2021 são um conjunto de 11 metas gerais que representam o compromisso dos países ibero-americanos em torno de objetivos educativos comuns para 2021.

No último informe apresentado, “Miradas sobre la educación en Iberoamérica 2016”, foi manifestada a necessidade de abrir um processo de revisão dos indicadores de algumas das metas, sobre as quais existe maior dificuldade para dar conta de seu desenvolvimento. O processo foi aprovado pelos ministros de Educação no 76º Conselho Diretivo da OEI, realizado em Buenos Aires, em agosto de 2017.

Para realizar a tarefa, optou-se por avançar em duas direções: em nível técnico, com o apoio do Conselho Reitor do Instituto de Avaliação da OEI (IESME), para a incorporação de novos indicadores com base em critérios de qualidade, relevância e disponibilidade da informação; e em nível conceitual, com o Conselho Assessor, cujo objetivo é abrir e promover um debate público sobre estas metas que, por uma parte, aproxime a sociedade da revisão e, por outra, complete o trabalho que está sendo desenvolvido em nível técnico.

O produto final de todas as atividades realizadas estará reunido em um único documento, que constituirá o informe Miradas 2018, a ser aprovado na próxima Conferência de Ministros Ibero-americanos de Educação.


Leia também:

OEI abre debate público para a revisão das Metas 2021