OEI apoia a promoção do I Encontro Técnico Ibero-americano de Gestores de Incentivo e Fomento, pela Secretaria de Cultura do GDF
OEI apoia a promoção do I Encontro Técnico Ibero-americano de Gestores de Incentivo e Fomento, pela Secretaria de Cultura do GDF

OEI apoia a promoção do I Encontro Técnico Ibero-americano de Gestores de Incentivo e Fomento, pela Secretaria de Cultura do GDF

OEI. 08/04/2014
Tamanho do texto+-

A Secretaria de Cultura do GDF, em parceria com a Organização dos Estados Iberoamericanos (OEI) e com a Rede Brasileira de Gestores de Fomento e Incentivo à Cultura, realizou o I Encontro Ibero-americano Incentivo e Fomento: Investimento na cultura como vetor de desenvolvimento econômico e social, nos dias 7 e 10 de abril, no Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB).

O evento reuniu gestores culturais da América Latina e da Europa com o objetivo de discutir, entre outros assuntos, políticas públicas de fomento e incentivo, gestão de espaços culturais e formas inovadoras de financiamento na área. Foram compartilhados modelos de gestão, boas práticas, desafios e soluções no campo das políticas de financiamento ao setor cultural.

A abertura do I Encontro, no dia 7 de abril, contou com a presença do Diretor Geral de Cooperação e Educação Permanente da OEI, Luis Scasso, que em suas palavras destacou que a cultura, além de ser geradora de sentidos, significados e identidades, a é dinamizadora da economia e tem um papel chave no desenvolvimento endógeno das nações. “A relação entre cultura e desenvolvimento tem sido um tema recorrente nas Conferência Ibero-americanas de Cultura, desde sua primeira edição, considerando-se um contexto mundial marcado pelos processos de globalização, mudança tecnológica, crescimento exponencial das comunicações, e de exclusão social”.

Luis Scasso destacou ainda a adoção em 2006 da Carta Cultural Ibero- americana, marco nas políticas culturais de cooperação regional, que afirmou o valor central da cultura para o desenvolvimento humano, promovendo a proteção da diversidade cultural e buscando consolidar o espaço cultural ibero-americano.

Finalizou sua fala dando destaque às contribuições mais recentes da OEI à implementação da Carta Cultural Ibero-americana, que foram:

Entre estes esforços podem ser mencionados:

• O documento elaborado em conjunto com a CEPAL em 2012 Intitulado " avançar na construção de um espaço cultural compartilhado " , disponível para download gratuita na página web da OEI.

• A estruturação da "Escola de Culturas" do Altos Estudos Universitários da OEI, voltada para a formação on-line na área da promoção e gestão cultural.

• A implementação do Observatório Cultural Ibero Americano.

• O desenvolvimento de projetos inovadores como o de empreendedores culturais, o programa Ibero-americano de Teatro, o programa de arte-educação, cultura e cidadania, e o projeto de mobilidade de artistas e gestores culturais.