OEI promove reunião técnica internacional sobre alfabetização, leitura e escrita e Diálogos sobre o tema com educadores da rede pública municipal de São Paulo
OEI promove reunião técnica internacional sobre alfabetização, leitura e escrita e Diálogos sobre o tema com educadores da rede pública municipal de São Paulo

OEI promove reunião técnica internacional sobre alfabetização, leitura e escrita e Diálogos sobre o tema com educadores da rede pública municipal de São Paulo

OEI. 04/04/2014
Tamanho do texto+-

O Secretário geral da Organização dos Estados Ibero-americanos, Álvaro Marchesi, presidiu a Reunião Técnica Internacional sobre Alfabetização, Leitura e Escrita, realizada na cidade de São Paulo no dia 03 de abril de 2014, na presença de representantes ministeriais de 17 países ibero-americanos, da Secretária interina de Educação Básica do Ministério da Educação, Yvelise Arco-Verde, e do Secretário Municipal de Educação de São Paulo, Cesar Callegari.

O Ministério da Educação do Brasil apresentou os avanços e desafios da implementação do Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa (PNAIC) e a Secretaria Municipal de Educação de São Paulo a experiência do ponto de vista municipal.

Segundo testemunho dos representantes dos países presentes - Argentina, Colômbia, Costa Rica, El Salvador, Equador, Espanha, Guatemala, Honduras, México, Nicarágua, República Dominicana, Panamá, Paraguai, Peru, Portugal, Uruguai- , a experiência brasileira foi inspiradora e conhecer seus detalhes de grande valia para as ações que estão sendo empreendidas na Ibero América.

No dia 04 de abril, foram promovidos os “Diálogos sobre Alfabetização, Leitura e Escrita” , que além dos representantes dos Ministérios da Educação dos países ibero-americanos, contou com a participação dos educadores do município de São Paulo envolvidos na implementação do PNAIC . O evento foi uma promoção conjunta OEI, MEC e Secretaria Municipal de Educação de São Paulo. Também apresentaram a sua experiência de implementação do PNAIC os municípios paulistas de Santo André e de Franco da Rocha.