Metas Educativas 2021: nove anos depois da aprovação, em El Salvador

Metas Educativas 2021: nove anos depois da aprovação, em El Salvador

OEI. 19/05/2017
Tamanho do texto+-

No dia 19 de maio de 2008, ministros de Educação reunidos em El Salvador aprovaram em sua declaração final o compromisso de acolher a proposta “Metas Educativas 2021: a Educação que queremos para a geração dos Bicentenários”. Comprometiam-se, assim, a avançar na elaboração de seus objetivos, metas e mecanismos de avaliação regional, em harmonia com os planos nacionais e iniciar um processo de reflexão para a criação de um Fundo estrutural e solidário.

Para isso, foi criado o Instituto de Avaliação e Acompanhamento das Metas Educativas 2021 (IESME), responsável pelo monitoramento da melhoria da qualidade e do alcance das metas. Em 2016, o IESME lançou o Informe Miradas: “Olhares sobre a educação na América Latina”, durante a XXV Conferência Ibero-Americana de Ministros da Educação, realizada em 12 de setembro. Para a atualização dos dados das 11 metas que constituem o Projeto Metas Educativas 2021, foi necessário coordenar o trabalho de institutos e departamentos de avaliação de vários países da região. Este esforço conjunto tornou possível uma visão ampla e abrangente do progresso e dos desafios da educação na Ibero-América.